- Quem sou eu? -

WhatsApp Image 2020-10-06 at 08.45.15-2.
Olá ,

 

Quero contar um pouquinho da minha história pra vocês!

 

Espero q sirva de inspiração e desperte em você o desejo de conhecer um pouco mais sobre o meu trabalho. Me formei em Medicina em 2009, pela Universidade Federal de Pernambuco. Logo, optei por fazer Residência em Otorrinolaringologia no Hospital das Clínicas. 

Na época não me restava dúvidas sobre minha escolha. Eu tinha certeza que queria seguir o caminho do meu pai. Ele era minha referência de sucesso e satisfação no trabalho. E assim segui, trabalhando como Otorrino na clínica que temos juntos e também no Hospital Português. Tudo que eu havia planejado. Fui crescendo profissionalmente e expandindo meu trabalho, ganhando reconhecimento, porém intimamente eu não estava feliz, havia uma angústia e um grande senso de desencaixe. 

 

Demorou um tempo pra eu reconhecer que meu trabalho já não fazia mais sentido e que eu havia feito escolhas inconscientes a partir de um comando que não era o meu coração. Neste momento minha busca estava só começando. O que me possibilitou ir reconhecendo a minha verdade foi a prática da Yoga. Por isso, sempre digo que a Yoga mudou a minha vida. Não só encontrei um caminho que foi despertando minha consciência, como também , foi através da Yoga que conheci a Ayurveda. 

A essa altura eu já não conseguia ver sentido na forma como eu trabalhava, e a medicina ocidental não me dava as respostas que eu buscava. Eu queria mais, queria entender a alma , o porquê das doenças, entender a vida! Pensei por diversas vezes em largar mão de tudo e ir buscar outra profissão, porém a missão de ajudar na cura das pessoas pulsava mais forte em meu peito. 

 

Foi após uma Constelaçao Familiar que a ficha caiu e vi que eu precisava mesmo era me reinventar e encontrar uma medicina que me fizesse vibrar, que me conectasse com meu propósito e com minha verdade. Segui a voz do meu coração e fui estudar na Índia. Lá, tudo que eu acreditava sobre o processo saúde-doença foi ficando mais claro. As conexões entre matéria e espírito, entre corpos sútis e físico foram se encaixando.

 

Após mergulhar na Ayurveda, fui beber de outra fontes, antroposofia, Reiki, Leitura de Aura, Constelações familiares, conhecimentos sobre nutrição vegana, dentre tantos outros. Fiz vários cursos de autoconhecimento, retiros e segui num período sabático. Fui trabalhar com crianças num hospital no sul da África, engravidei, atravessei o grande portal da maternidade, me dediquei inteiramente ao meu filho e aos estudos, até que chegou o momento de integrar todo esse conhecimento, todas as ideias, as experiências e a vontade de fazer diferença no mundo. 

 

Não quero ir embora tendo sido uma mera espectadora da minha vida; quero realizar meus sonhos, crescer em virtudes e contribuir para o crescimento do todo! Amo a natureza, a alimentação consciente e amo o Divino acima de tudo e a Ele sirvo a cada instante da minha existência. Assim encerro essa contação de história e rezo pra que todos que estejam lendo recebam a semente do despertar de todo o seu potencial de amar a si próprio e de se realizar. 

 

Com amor, Renata.